Você sabe quais são as hard e soft skills mais requisitadas pelo mercado?

dezembro 8, 2021

Em um mercado cada vez mais competitivo e dinâmico, as hard e soft skills não são mais requisitos adicionais. Elas são habilidades essenciais para garantir a produtividade e a sobrevivência do negócio.

Seja para o desenvolvimento pessoal ou profissional, essas competências podem trazer muitos diferenciais competitivos.

Ficou interessado? Acompanhe a leitura deste artigo e confira as dicas que separei para te ajudar.

Entenda a importância das hard e soft skills

Diante do cenário atual, para quem quer conquistar uma vaga no mercado de trabalho e alcançar um bom crescimento profissional, é fundamental dar atenção às hard e soft skills.

Isso porque mesmo que você tenha habilidades técnicas bem consolidadas, em uma entrevista de emprego é bem possível que as competências mais subjetivas sejam consideradas como fator de desempate.

Nesse contexto, há um apelo forte às soft skills por apresentarem comportamentos altamente produtivos a um negócio em crescimento, que muitas vezes necessita de profissionais com mais inteligência emocional do que habilidades puramente técnicas.

Para você ter uma ideia, um estudo feito pelo site de recrutamento CareerBuilder revelou que 77% dos empregadores acreditam que as hard e soft skills são igualmente importantes.

Dentre eles, 16% acreditam que as soft skills são ainda mais importantes do que a capacidade técnica para executar um determinado trabalho. 

Essas habilidades, portanto, são muito consideradas em um processo de avaliação de candidatos para uma vaga.

Qual a diferença entre hard e soft skills?

O primeiro ponto que eu destaco aqui é que precisamos entender cada um dos conceitos separadamente para então compreender as diferenças entre as hard e soft skills. Acompanhe:

Hard skills

As hard skills são habilidades profissionais fáceis de serem identificadas e mensuradas, que podem ser aprendidas na escola ou faculdade, por exemplo. Vamos conferir alguns exemplos de hard skills:

  • Excel avançado
  • Gestão de pessoas
  • Inglês fluente
  • Domínio em programação de computadores
  • Gestão de sistemas operacionais

Ou seja, são competências que podem ser ensinadas e aprendidas fazendo uso de treinamento no intuito de desenvolver uma aptidão técnica.

Soft Skills

Já as soft skills ganharam muita força nos ramos empresariais, mesmo que sejam mais difíceis de quantificar ou reconhecer.

Isso porque são habilidades sociocomportamentais que estão ligadas às competências mentais e à capacidade de lidar com os fatores emocionais, principalmente dentro de um ambiente organizacional.

Essas capacidades envolvem mais que uma qualificação técnica, pois abrangem:

  • experiência pessoal 
  • social
  • cognitiva  
  • outras vivências que contribuem para que a pessoa lide melhor com desafios, imprevistos e problemas

Então qual a diferença entre elas?

Hard e soft skills são diferenciadas principalmente pela capacidade de identificação e comprovação das competências.

Quando as habilidades de soft skills estão em jogo, é preciso ter um conhecimento mais profundo sobre o candidato. Para isso, podem ser aplicados testes psicológicos e comportamentais ou se analisar o relacionamento diário do candidato.

Já em relação às habilidades técnicas, o currículo é a base principal para comprová-las, por serem mais facilmente reconhecíveis, mas dependendo da necessidade de conhecimento, é também mais fácil de aplicar provas para identificar o nível do candidato.

Atualmente é preciso mais do que um bom currículo para conseguir a vaga almejada. Muitas empresas estão preferindo contratar pelo comportamento e treinar as hard skills do que o contrário. 

Afinal, do que adianta ter habilidades técnicas se não consegue lidar com os desafios diários do ambiente de trabalho atual que engloba pressão, uma grande diversidade de pessoas e projetos mais acelerados?

Esses fatores que diferem as hard e soft skills, fazem toda a diferença quando o assunto é desenvolvimento profissional.

As hard skills mais requisitadas pelo mercado

Agora que você já entendeu as diferenças entre hard e soft skills e o cenário atual das organizações no que diz respeito às contratações, separei aqui as hard skills mais requisitadas pelo mercado. Veja:

Conhecimento de outros idiomas

O conhecimento de inglês ou espanhol tem sido bastante requisitado pelas empresas para: 

  • melhorar o relacionamento com os clientes
  • expandir o negócio 
  • favorecer o intercâmbio de informações

Por isso, é muito importante se dedicar aos estudos e aplicar pequenos hacks diários: 

  • procurar por cursos e professores de qualidade (e até nativos) para aprender idiomas 
  • mudar o idioma do celular
  • realizar leituras em outro idioma 
  • assistir àquele filme ou série que você gosta na língua que está aprendendo

Gestão de pessoas

Outra hard skill muito requisitada é a gestão de pessoas, já que as hard e soft skills devem ser percebidas em conjunto para alcançar contratações cada vez melhores.

É preciso mais do que gerir funcionários, mas empoderá-los para que alcancem o máximo de seus potenciais, desenvolvendo suas capacidades dentro da organização.

A dica que trago para vocês é: 

  • saber ouvir e observar o seu contexto e o de sua equipe;
  • identificar pontos a serem melhorados; 
  • fazer cursos, treinamentos e leituras na área; repensar tarefas simples do cotidiano.

Capacidade Analítica

A terceira competência que destaco é o pensamento analítico. Mesmo que esta pareça ser uma habilidade subjetiva, atualmente os dados são um dos ativos mais valiosos de qualquer empresa.

É por meio de ferramentas de gestão que os dados são coletados e analisados. Assim, a tomada de decisão se torna cada vez mais assertiva e os investimentos mais alinhados à realidade.

Para ganhar mais capacidade analítica, sempre: 

  • procure leituras sobre o tema; 
  • desenvolva a capacidade de observação; 
  • incentive a busca por projetos novos;  
  • explore os diversos jogos de lógica que ajudam a desenvolver o sistema cognitivo.

Operação de máquinas e sistemas

Por fim, ao contrário do que muitos pensam, as máquinas e sistemas inteligentes não vieram para substituir a força de trabalho humana.

Muito pelo contrário, com o uso cada vez mais frequente delas, é preciso ter conhecimento sobre o seu funcionamento, pois é por meio das pessoas que o uso delas será mais estratégico.

Se você quer aprender mais sobre isso : 

  • leia sobre e conheça melhor as tecnologias mais utilizadas no mercado 
  • procure por cursos técnicos capazes de desenvolver habilidades como a eletrônica, programação e análise de dados

As soft skills mais requisitadas pelo mercado

No cenário de hard e soft skills que observamos lá no início, você percebeu que as empresas estão à procura de profissionais com inteligência emocional e com comportamentos mais flexíveis, certo?

Por isso, trouxe neste item as soft skills mais requisitadas pelo mercado atual. Confira:

Gestão do Tempo

A primeira soft skill que devo mencionar é a gestão do tempo, habilidade fundamental para atingir seus objetivos, saber negociar melhor e acompanhar seu desenvolvimento com mais tranquilidade. Vivemos em um ambiente muito acelerado onde os dados crescem de uma forma gigantesca minuto a minuto e quem ainda não tinha dificuldades, está apresentando.

Por isso, minhas dica são: 

  • procurar por uma metodologia confiável e colocá-la em prática;
  • aprender a priorizar o mais importante e realizar as entregas dentro do tempo correto;
  • criar um sistema de organização com as ferramentas adequadas para automatizar processos e ganhar eficiência no dia a dia

Criatividade

Outra habilidade a ser desenvolvida é a criatividade pois, em um mundo conectado e tecnológico, inovar é sempre importante, e é treinando a sua criatividade que você poderá trazer soluções disruptivas.

Nesse caso, não existe resposta certa! Mas é recomendável sair do comum e trabalhar a criatividade através da vivência de novas experiências, da convivência com outras pessoas, na prática de novos hobbies, frequentar (e por que não fazer parte de) atividades culturais e artísticas e, também, criar novos hábitos.

Comunicação interpessoal

A comunicação interpessoal também é uma das competências bastante procuradas pelas empresas, e que vai muito além de ter boas conversas.

Mais do que saber conversar com alguém sobre algum projeto ou ideia, a capacidade de interpretação e empatia são importantes para estabelecer diálogos mais inteligentes e que mantenham um bom clima organizacional.

Nesse sentido, a ideia é prestar atenção não apenas à fala, mas também à escuta, pois juntas o processo de assimilação e processamento da informação torna-se muito mais eficaz. Ter empatia e praticar a escuta ativa faz toda a diferença no desenvolvimento das relações de qualquer pessoa.

Inteligência emocional

Dentro ou fora de uma empresa, é preciso buscar autoconhecimento para lidar com situações de estresse ou períodos de instabilidade, mantendo uma postura profissional e de crescimento contínuo.

Aqui entra o conceito de inteligência emocional, que é a capacidade de lidar com as emoções e pensamentos, buscando equilíbrio mesmo que as situações do dia a dia sejam desafiadoras. Esse tipo de habilidade é extremamente importante e só é desenvolvida com muita atenção, prática e busca contínua de aprimoramento. 

Como desenvolver hard e soft skills?

Depois de entender as hard e soft skills mais requisitadas, você deve estar se perguntando: como desenvolvê-las na minha empresa e equipes?

A primeira dica que acredito ser importante é reconhecer que hard e soft skills podem ser desenvolvidas, mesmo que ambas tenham diferenças entre si quanto à objetividade.

Para desenvolvê-las, portanto, é preciso adotar boas práticas que fortaleçam a cultura da organização, e isso pode ser feito através de:

  • investimento em mentorias
  • palestras educativas
  • cursos técnicos
  • programas de desenvolvimento de carreira
  • workshops de comunicação e oratória
  • treinamentos corporativos
  • programas de capacitação e especialização
  • criação de materiais de treinamento

A ideia aqui é mapear o cenário da organização e identificar o que precisa ser otimizado ou melhorado. Para isso, é necessário acompanhar individual e coletivamente o clima e o funcionamento da empresa.

Com isso, é possível investir em ações que possam aperfeiçoar esses pontos de melhoria, como aumentar a comunicação interpessoal, desenvolver lideranças e promover palestras educativas.

Dessa forma você consegue trazer benefícios tanto para a empresa quanto para os colaboradores. Contudo, tenha em mente que é preciso abrir espaço para que essas competências sejam desenvolvidas com qualidade e com uma boa gestão de tempo.

A Organização Sincera tem sido muito procurada para desenvolver e acompanhar líderes com foco na gestão do tempo e performance,identificando os principais problemas e direcionando com conteúdo, atividades práticas e acompanhamento. 

Esses programas de desenvolvimento geram resultados financeiros para a empresa através de mais produtividade e economia de desperdícios e melhora o clima organizacional e o employer branding, ao desenvolver soft skills dos colaboradores estratégicos da companhia.

Gostou das dicas sobre hard e soft skills? Sei que existem muitos desafios, mas a Organização Sincera pode te ajudar nisso. 

Conheça mais sobre os nossos serviços aqui: você pode se aprofundar nos conteúdos nos cursos online e também adquirir o Planner 2022! Caso queira investir em um treinamento para você e todo o seu time, basta me chamar para montarmos algo específico para vocês! Vamos começar? 

marília cordeiro

Criadora de conteúdo e da metodologia Organização Sincera.

Desde 2018 eu facilito a vida de pessoas e empresas com um workflow simples e empático de gestão do tempo.

0 resposta em “Você sabe quais são as hard e soft skills mais requisitadas pelo mercado?”

receba dicas sinceras e práticas de produtividade em seu email

Na medida certa. 
100% privacidade.Sem Spam.

sobre marília cordeiro

Desde 2018 trabalho especificamente com produtividade, trabalho remoto e empreendedorismo. Aqui no blog, compartilho conteúdos mais completos, conceitos relevantes e reflexões para levar para você e sua equipe dicas práticas para o dia a dia. Aproveite para aumentar seu conhecimento e se inscreva para receber as novidades!

Leia mais sobre mim.

categorias

preparado para transformar a produtividade da sua empresa?