A importância da qualidade de vida no trabalho

dezembro 14, 2021

Muitas empresas já reconhecem a importância da qualidade de vida no trabalho. Principalmente porque ela está diretamente ligada à produtividade e ao clima organizacional.

É nessa combinação poderosa que as pessoas passam a trabalhar mais motivadas e, consequentemente, os objetivos da organização são alcançados com cada vez mais qualidade.

Quer entender o porquê? Continue acompanhando este artigo que eu te mostro a importância da qualidade de vida no trabalho. Boa leitura!

A importância da qualidade de vida no trabalho para a produtividade

O mundo está mudando constantemente, e isso já não é novidade para ninguém. São novas soluções para resolver problemas antigos, diferentes perfis de trabalhadores e um mercado cada vez mais competitivo.

No entanto, é preciso entender a importância da qualidade de vida no trabalho para que a velocidade em que estas mudanças acontecem não interfira na saúde da organização como um todo.

Além do mais, nenhuma empresa dura muito tempo nos dias de hoje se não cuidar dos seus colaboradores. E essa é uma tarefa que vai além de oferecer benefícios tradicionais, como vale alimentação e plano de saúde.

A importância da qualidade de vida profissional está diretamente ligada à produtividade. As pessoas gastam boa parte do tempo com as atividades trabalhistas, o que demanda muitos esforços físicos e mentais.

Para isso, são fundamentais para que as pessoas se sintam motivadas e façam boas entregas

  • um ambiente agradável; 
  • horários flexíveis;
  • boa estrutura.

Muitos empreendimentos têm percebido quais ações são capazes de melhorar a produtividade e elevar a motivação das equipes, como por exemplo: 

  • flexibilizar o horário de trabalho
  • promover treinamentos e cursos que capacitem as pessoas a trabalharem de forma mais autônoma, assíncrona e produtiva
  • fornecer um ambiente saudável de trabalho, boa comunicação e ferramentas e prazos factíveis
  • criar espaços para trocas e lazer
  • parcerias com academias
  • oferecer plano de saúde e odontológico

O impacto do estresse e sobrecarga na produtividade

A qualidade de vida no trabalho é um ponto que influencia de forma positiva ou negativa nos níveis de estresse. Quando as condições de trabalho não são boas ou até mesmo o clima organizacional é ruim, os colaboradores acabam não produzindo como poderiam.

Um dos sintomas bastantes decorrentes disso é, por exemplo, a síndrome de Burnout. Esse transtorno é caracterizado como um esgotamento físico e mental que afeta diretamente o trabalho.

Esse tipo de problema é ocasionado também por: 

  • más condições de trabalho; 
  • pressões extremas; 
  • ambientes desequilibrados; 
  • ambientes que oferecem riscos à saúde.

A produtividade, portanto, cai consideravelmente. Os colaboradores passam a apresentar sintomas como ansiedade, irritabilidade e outros desequilíbrios que afetam o desempenho das suas funções.

Motivação e criatividade

A importância da qualidade de vida no trabalho ainda se estende para a motivação e criatividade dos colaboradores.

Nesse sentido, a motivação pode ser utilizada para muitas finalidades, como: 

  • atingir uma meta;
  • incentivar as pessoas a assumirem valores benéficos para a organização;
  • estimular a criatividade e a inovação, resultando em novas formas de resolver os problemas da empresa ou dos clientes;

Um ponto de partida interessante é compreender as necessidades do negócio e repassá-las com clareza para os colaboradores.

Em paralelo a isso, a criatividade é potencializada à medida que o ambiente passa a ser mais flexível e com oportunidades de crescimento pessoal e profissional, além de responsabilidades claras e uma boa liderança.

Busca por empresas mais humanizadas

É claro que, caso a organização não invista na criação de um ambiente saudável de trabalho, os colaboradores tendem a procurar por empresas que ofereçam esse diferencial.

Não é apenas um negócio que possui suas necessidades, mas as pessoas também. Sejam elas pessoais ou profissionais, cada colaborador tende a agir de acordo com os seus interesses.

A produtividade, portanto, não está no trabalho sem pausas para descanso e com horários inflexíveis. Pelo contrário, está justamente na construção de uma empresa humanizada, que enxerga as necessidades das pessoas e as estimula a trabalhar com uma produtividade saudável.

Para manter um ritmo competitivo de mercado e saudável para os colaboradores, o ambiente de trabalho precisa: 

  • ser agradável;
  • de constantes aprendizados; 
  • fornecer autonomia e responsabilidade no desempenho das funções;
  • ser organizado e facilitar o trabalho de todos.

Por que as empresas deveriam se preocupar com isso?

Além do que já relatei aqui, para responder a este questionamento é preciso entender o que as empresas ganham compreendendo a importância da qualidade de vida no trabalho.

Não basta oferecer um bom salário sem disponibilizar uma estrutura saudável, com crescimento consciente e um ambiente motivador. Veja o que seu negócio pode alcançar:

Melhoria do clima organizacional 

Toda organização precisa ter um bom clima organizacional, que diz respeito a como os profissionais percebem e são impactados pelo ambiente de trabalho.

A qualidade de vida no trabalho também se dá por um clima leve e com uma boa comunicação interpessoal, de respeito e escuta aos profissionais. Tudo isso contribui para manter a motivação e evitar a falta de comprometimento com o trabalho.

O clima organizacional adequado garante:

  • melhores resultados
  • crescimento progressivo dos talentos da empresa
  • mais comprometimento com as metas da organização
  • aumento da produtividade das equipes
  • sentimento de pertencimento por parte dos profissionais

Melhora o employer branding

Outra questão que nos ajuda a entender a importância da qualidade de vida no trabalho é que, ao criar um ambiente propício, os colaboradores passam a ter uma boa percepção da marca e acabam por promovê-la.

Consequentemente, esses profissionais ajudam na propaganda da empresa, recomendando a empresa para outras pessoas devido a sua: 

  • qualidade
  • responsabilidade social
  • cuidado com os colaboradores e clima organizacional
  • e reforçam outros fatores que eles observam como diferencial no mercado

Com esse poder de divulgação e identificação com a marca, fica mais fácil contratar e selecionar melhor as pessoas com o perfil comportamental esperado para atingir os resultados que a empresa quer.

Equipe motivada = metas alcançadas

Como mencionamos nos tópicos anteriores, uma equipe motivada e produtiva alcançará as metas da empresa de forma mais fácil. 

Esses resultados positivos são construídos dentro da empresa com o tempo, por isso tanto quem entrou recentemente quanto quem já está na empresa há um certo tempo conseguem ter uma boa integração, já que os papéis e prioridades são claros.

Os impactos em empresas que não valorizam a qualidade de vida

Nos itens anteriores relatei um pouco sobre os desafios e possibilidades de se entender a importância da qualidade de vida no trabalho. Agora falarei dos impactos negativos que podem vir.

Pode ser que cobrar o trabalho intensivo dos colaboradores gere bons resultados no curto prazo. No entanto, sem qualidade de vida esse alcance tende a diminuir drasticamente no longo prazo.

Isso porque os profissionais estarão esgotados, desmotivados e dificilmente será possível contornar a situação. Com isso, os custos com afastamentos ou demissões aumentam e todos sabem que o turnover é caríssimo.

Além da necessidade de alocar mais recursos para novas contratações, os impactos ainda surgem de outro lado: na deterioração da marca.

Assim como o employer branding, profissionais insatisfeitos que saem da sua empresa tendem a classificá-la como um lugar ruim para se trabalhar.

Além disso, diversas empresas organizam ranking de melhores organizações para se trabalhar, ou as mais produtivas. E ficar fora disso atualmente é um grande risco para a saúde do negócio. Mas tem mais:

Alta taxa de rotatividade de colaboradores

Outro ponto que destaco é a alta rotatividade, o conhecido turnover. É preciso estar atento ao número de colaboradores que saem da organização durante determinado tempo.

Um ambiente que não compreende a importância da qualidade de vida no trabalho tende a perder cada vez mais os seus talentos, o que coloca em risco a saúde financeira do empreendimento.

Portanto, investir na importância da qualidade de vida no trabalho é controlar melhor o índice de rotatividade, que pode ser saudável se bem administrado.

Além disso, empresas com altas taxas de rotatividade apresentam dificuldades maiores na contratação de novos talentos, já que a qualidade de vida não é vista como prioridade.

Tudo isso é refletido no momento de oferecer vaga no mercado, pois as pessoas altamente qualificadas e em busca de emprego evitarão se inscrever no seu processo seletivo.

Isso porque bons profissionais procuram empresas humanizadas e que entendem a importância da qualidade de vida no trabalho mais do que atingir objetivos estratégicos.

Para resolver esse problema, confira algumas soluções a seguir: 

  • as empresas devem ter um plano de carreira definido para os cargos
  • investir em benefícios (planos de saúde e odontológico, vale-refeição, vale-cultura)
  • realizar processos seletivos melhores em busca dos profissionais certos
  • priorizar o bem-estar dos funcionários
  • melhorar a comunicação interna
  • investir em treinamentos e capacitações adequadas de hard e soft skills 

Equipes desconectadas

Por fim, o último impacto que destaco é o descompasso entre as equipes, principalmente em relação à comunicação.

Esta é uma das habilidades mais importantes e essenciais para garantir produtividade.  Pesquisas mostram que a comunicação é o principal fator influenciador na produtividade do time. 

O nível de fala e interação das pessoas deve ser equilibrado entre todos os participantes, e isso só é possível a partir da construção de relacionamentos saudáveis no trabalho. Portanto, investir em momentos de troca e na qualidade de vida no trabalho é evitar a desconexão das equipes.

A produtividade está diretamente ligada ao bom relacionamento entre as pessoas e, por isso, é preciso garantir que todos sigam na mesma direção. Para isso, é necessário investir na criação e fortalecimento da cultura organizacional.

As novas gerações no mercado de trabalho

Se você chegou até aqui, já deve ter entendido bem a importância da qualidade de vida no trabalho. Contudo, tem ainda outro indicativo de porque esta deve ser uma prioridade.

O mercado de trabalho já não é o mesmo, e novas gerações passam a ocupar ainda mais os cargos nas organizações. Uma delas é a geração Z.

São profissionais: 

  • mais novos
  • mais tecnológicos
  • com apelo maior aos contextos socioeconômicos 
  • que trazem modos diferentes de interação pessoal e profissional

Alguns indicativos disso são que a conectividade para estas pessoas acontece 24h por dia, por isso eles buscam modelos de trabalho mais flexíveis e de comunicação assíncrona, como o home office.

Além disso, a geração Z tende a ser mais ativa nos grupos de trabalho, interagindo com ideias, inovação e necessidade de crescimento constante, que pode ser potencializado ainda mais com feedbacks.

Nesse sentido, esse grupo de trabalho é caracterizado por aprendizes mais rápidos, naturalmente tecnológicos e mais criativos, o que consequentemente necessita de empresas mais humanizadas, autonomia e oportunidades de crescimento.

Pronto para investir na qualidade de vida?

Vimos ao longo deste artigo que a qualidade de vida no trabalho é um ponto muito importante que influencia toda uma equipe e também ajuda a atingir as metas da empresa.

Por aqui, os nossos treinamentos empresariais trazem resultados incríveis nesse sentido, não somente capacitando os profissionais a fazerem uma melhor gestão do tempo na prática, o que resulta em melhores resultados financeiros para a empresa, como também aprendendo a abrir espaço para cuidar de si, investir em organização e ter uma vida com mais qualidade.

Quer saber mais sobre como aumentar a produtividade da sua equipe? Clique aqui e entre em contato conosco!

marília cordeiro

Criadora de conteúdo e da metodologia Organização Sincera.

Desde 2018 eu facilito a vida de pessoas e empresas com um workflow simples e empático de gestão do tempo.

3 respostas em “A importância da qualidade de vida no trabalho”

Os comentários estão desativados.

receba dicas sinceras e práticas de produtividade em seu email

Na medida certa. 
100% privacidade.Sem Spam.

sobre marília cordeiro

Desde 2018 trabalho especificamente com produtividade, trabalho remoto e empreendedorismo. Aqui no blog, compartilho conteúdos mais completos, conceitos relevantes e reflexões para levar para você e sua equipe dicas práticas para o dia a dia. Aproveite para aumentar seu conhecimento e se inscreva para receber as novidades!

Leia mais sobre mim.

categorias

preparado para transformar a produtividade da sua empresa?