Home office na pandemia: entenda como mudamos a relação com os nossos lares

abril 1, 2022

Você está trabalhando de casa e quer ser mais produtivo? Isso pode ser uma tarefa complicada sem organização, controle do seu tempo e um ambiente adequado, mas eu posso te ajudar! Separei 9 dicas para você colocar em prática para tornar seu dia mais produtivo.

Trabalhar de casa pode até ser confortável, mas traz desafios, como controlar a rotina de trabalho, encontrar o foco para trabalhar e até conseguir silêncio com tanta gente no ambiente. 

Veja a seguir como você pode superá-los e descubra também quais foram as mudanças que o home office trouxe para a relação que temos com a nossa casa (e com o desempenho no trabalho também). Acompanhe!

Home office na pandemia: como nossa produtividade foi influenciada pelo lugar em que vivemos?

Existem diversos fatores que fazem com que o home office altere a nossa produtividade no trabalho. Uma delas está relacionada com falta de infraestrutura, afinal de contas, nem todos possuem os aparatos necessários para uma boa produtividade no trabalho em casa.

Inclusive, algumas pessoas tiveram que investir em equipamentos para trabalhar em casa. Segundo dados apresentados pelo Think With Google, houve um crescimento de 51% nas buscas de cadeiras reguláveis durante o período da pandemia. 

Vale destacar que apenas no primeiro semestre de 2021, a categoria de móveis para home office já passava as buscas por sofás, por exemplo.

É importante entender que fica mais fácil ter produtividade no home office para aqueles que possuem: 

  • um cômodo destinado para trabalhar; 
  • boa internet;
  • bom computador;
  • ambiente sem interrupções externas.

Mas para as pessoas que não têm um escritório equipado e sossegado, é mais difícil ter um bom rendimento, especialmente em um cenário de pandemia com compartilhamento de ambientes.

Outro ponto que também afetou o rendimento de muitos profissionais, foi a dificuldade de aderir às ferramentas do trabalho à distância. Nem todos se adaptaram bem às videochamadas, grupos de conversa e programas necessários para exercer suas funções em casa.

Por fim, ainda destaco a dificuldade de organizar as rotinas. Durante o home office, várias pessoas não souberam distribuir bem seus horários e ter limites entre trabalho e vida pessoal, chegando muitas vezes a ter uma carga horária de trabalho muito maior que quando havia o horário delimitado pelo transporte ou pelo movimento social presencial. Isso até ocasionou o aumento de profissionais com a síndrome de burnout, que é o esgotamento ocasionado pelo excesso de trabalho.

Inclusive, segundo a International Stress Management Association do Brasil, o nosso país é o segundo do ranking a respeito de profissionais com burnout.

Por isso que eu sempre falo para meus alunos e leitores que produtividade no home office só vem com qualidade de vida

No meu curso e nas minhas mentorias, sempre menciono a importância de delimitar horários. Ou seja, é necessário destinar um período para se dedicar a cada atividade importante do dia a dia: 

  • trabalhar;
  • estudar;
  • praticar exercícios;
  • vida pessoal;
  • cozinhar;
  • tarefas domésticas;
  • etc.

Assim, nos dedicamos a cada tarefa que formos fazer naquele determinado período, melhorando nossa produtividade no trabalho, mas sem negligenciar aspectos essenciais para a qualidade de vida.

Como a percepção sobre nossos lares foi transformada durante a pandemia?

As motivações de compras para a casa mudaram

Mais tempo no lar trouxe reflexão sobre as compras que fazemos. Segundo dados do Think With Google, as compras de móveis e decoração aumentaram.

Também passamos a prestar atenção a detalhes como pintura e estado da mobília. Isso faz todo o sentido, afinal, é muito tempo dentro de casa!

Na hora das compras (ou da reforma) 4 fatores aparecem como os principais “influenciadores” das decisões de compra. São eles:

  • conforto: ao passar mais tempo em casa, desejamos nos sentir bem no ambiente em que estamos;
  • funcionalidade: queremos soluções que nos tragam mais comodidade no dia a dia;
  • inovação: como ficamos longe das ruas, o desejo por novidade também acabou sendo incorporado para dentro das nossas casas;
  • performance: como passamos mais tempo nos nossos lares, também desejamos produtos que nos auxiliem no nosso dia a dia.

A sala virou um coringa

Por muito tempo, a sala era apenas um ambiente para lazer e refeições, mas o home office na pandemia fez do coração da casa um escritório.

Isso porque trabalhar no quarto não é a melhor opção para muita gente, visto que possui menos espaço e mais distrações (como a cama, video game, etc). 

Sendo assim, a sala foi o ambiente escolhido. Dados da pesquisa Think With Google apontam que 41% dos entrevistados investiram mais na sala do que em qualquer outro cômodo para montar seu home office durante a pandemia.

Cozinha: necessidade ou hobby?

Durante o home office na pandemia, a cozinha também recebeu a atenção das pessoas que passaram mais tempo em casa. Foram dois os principais motivos da mudança: necessidade e hobby.

Cozinhar se tornou uma tarefa essencial e, muitas vezes, estressante. Nesse sentido, várias pessoas passaram a procurar itens que facilitam as receitas. Veja como as buscas por alguns eletrodomésticos aumento no primeiro semestre de 2021:

  • torradeiras: 24%;
  • airfryer: 32%;
  • sanduicheiras: 22%.

Mas também houve casos em que o ato de cozinhar se tornou um novo hobby. Você já deve ter notado isso nas redes sociais, né? Muita gente postou fotos e vídeos das receitas que fizeram.

O quarto como lugar de conforto e privacidade

Normalmente o quarto é o local onde as pessoas têm o máximo de privacidade e conforto, ou seja, é uma espécie de reduto. 

Por isso, para quem divide o lar com outras pessoas, o quarto geralmente é o lugar escolhido para criar o escritório. 

Isso ocasionou uma exposição do ambiente nas reuniões virtuais de trabalho, gerando o aumento na procura de itens de decoração para o quarto.

Mas além de enfeites, muita gente também passou a investir em conforto e foi nesse sentido que houve o crescimento de 28% de termos relacionados à maciez de jogos de cama.

Aumentaram-se as buscas por quintal ou varanda

Quintais já eram objeto de desejo antes da pandemia. Com o isolamento, a procura por imóveis com um espaço de lazer cresceu 20% no primeiro semestre de 2021.

Apartamentos com grandes varandas e imóveis com quintais oferecem um espaço íntimo para pequenas celebrações ou lazer familiar, o que explica a valorização e alta nas buscas.

O que fazer para ser mais produtivo em casa?

Lar produtivo é lar organizado

Antes de tudo, organize sua casa e seu espaço de trabalho. Mesmo que você “se encontre na sua bagunça”, o ambiente organizado melhora o seu desempenho. A organização mental é reflexo também da organização física. Não é atoa que muitas pessoas preferem começar organizando o espaço físico. Além do senso de organização, você de fato poderá ser mais produtivo sabendo onde encontrar o que precisa, não é mesmo?

Faça bons acordos! Peça colaboração aos seus familiares

Nem sempre o pessoal de casa vai contribuir para sua concentração na hora do trabalho. Cônjuges, filhos e outros familiares podem confundir presença com disponibilidades, afinal, antes do home office, esses dois costumavam acontecer juntos. Mas, agora, é preciso estabelecer que apesar de estar presente, nem sempre você estará disponível. É importante definir os horários de trabalho e esclarecer com todos que moram com você para que entendam que você pode até estar calado e sozinho, mas está concentrado e portanto, não pode conversar ou ajudar com uma tarefa doméstica a qualquer instante.

Portanto, converse com quem dividirá seu espaço, apresente sua rotina para eles e mostre os períodos que você destinou aos trabalhos domésticos e lazer. Assim, você consegue fazer acordos e, quem sabe, até ajudar na organização dos demais para que todos estejam em sincronia.

Escolha um lugar propício longe de distrações

A escolha do ambiente é um dos principais fatores que influenciam na sua produtividade durante o home office na pandemia. 

Lugares que apresentam muitas distrações vão tirar o seu foco e, consequentemente, sua produtividade no trabalho.

É preciso ter muita força de vontade e foco para ter um bom rendimento se você estiver trabalhando num local que disperse sua atenção.

Escolha um cômodo tranquilo para trabalhar. Fuja do alto fluxo de pessoas e dos lugares onde você encontra distrações como TV, rádio, etc.

Aqui também vale ressaltar o poder das cores no seu rendimento. Evite cômodos que têm paredes escuras, isso pode trazer cansaço para o seu dia a dia. O indicado é buscar locais com cores neutras e claras.

Opte por organizadores móveis e guarde o que for importante

O ambiente deve ser organizado e funcional para simplificar a rotina de trabalho. Tome cuidado com os locais onde você guarda seus documentos e evite bagunça na sua mesa.

Existem algumas peças — como organizadores de móveis, caixas e cestos — que foram feitas para contribuir com a organização de qualquer ambiente.

Invista em ergonomia e iluminação

Já que você passa horas do seu dia sentado e trabalhando, é muito importante prestar atenção na altura da cadeira e da mesa que você utiliza.

Se puder, invista em uma cadeira de escritório com regulagem de altura. A ideia é trabalhar com uma postura confortável e correta, o que contribui para sua saúde e produtividade

Além da ergonomia, é imprescindível prestar atenção na iluminação do seu home office na pandemia. Trabalhar em um ambiente escuro pode te deixar cansado, diminuir sua produtividade e prejudicar sua visão.

A recomendação é trabalhar num ambiente com abundância de luz natural, para dar mais ânimo e saúde para o dia a dia do trabalho. Mas caso você só tenha como trabalhar num ambiente com luz artificial, a indicação é escolher lâmpadas de temperatura fria ou neutra.

Desligue o que te faz perder o foco

Muita gente perde o foco porque fica com a TV, celular ou qualquer outro aparelho que possa distrair ligado. Isso é um erro bastante comum, mas que pode ser facilmente resolvido: desligue tudo o que tira sua atenção.

Estipule horários para utilizar o celular e para se desconectar do trabalho

O celular é um dos principais inimigos da atenção. Infelizmente, é muito comum que as pessoas passem horas distraídas com conversas, vídeos ou qualquer outra funcionalidade que possuam no seu smartphone.

A dica é delimitar os horários para utilizar o celular. Assim, você conseguirá otimizar o seu tempo quando estiver trabalhando e usando o aparelho.

Faça pausas

Quando você trabalhava no escritório, você fazia pausas, certo? Seja para conversar com algum colega, tomar um café ou comer. No home office isso continua sendo muito importante!

Portanto, estabeleça horários com duração fixa para realizar a sua pausa e distrair um pouco a cabeça. Isso será muito importante para manter o rendimento e o equilibro em sua vida.

Estabeleça um horário de trabalho

Como diriam os mais sábios “o tempo é precioso”. E quando o assunto é home office, isso se torna ainda mais importante. Isso porque, segundo o Stress Management Association, o Brasil está em segundo lugar no ranking de países com o maior número de casos de burnout. 

Essa síndrome é seríssima, e tem como indício o alto nível de estresse relacionado ao trabalho. Por isso, estabelecer limites durante o seu dia a dia de trabalho, fará com que você evite entrar para esse time. 

Então, se organize para controlar os horários de trabalho e seus intervalos! Tudo isso contribui para sua saúde mental e seu desempenho.

Como você pode ter notado, trabalhar de home office exige mais organização para conseguir dar conta de todas suas tarefas diárias.

Para isso, você vai precisar: 

  • elencar prioridades; 
  • conhecer melhor o seu corpo e sua mente;
  • criar uma rotina diária;
  • realizar planejamentos diários, semanais, mensais e até anuais;
  • desenvolver hábitos;
  • entre outros.

Quer saber como conquistar todas essas habilidades? Então acesse meu site e confira como eu posso te ajudar nessa caminhada!

marília cordeiro

Criadora de conteúdo e da metodologia Organização Sincera.

Desde 2018 eu facilito a vida de pessoas e empresas com um workflow simples e empático de gestão do tempo.

Uma resposta em “Home office na pandemia: entenda como mudamos a relação com os nossos lares”

Os comentários estão desativados.

receba dicas sinceras e práticas de produtividade em seu email

Na medida certa. 
100% privacidade.Sem Spam.

sobre marília cordeiro

Desde 2018 trabalho especificamente com produtividade, trabalho remoto e empreendedorismo. Aqui no blog, compartilho conteúdos mais completos, conceitos relevantes e reflexões para levar para você e sua equipe dicas práticas para o dia a dia. Aproveite para aumentar seu conhecimento e se inscreva para receber as novidades!

Leia mais sobre mim.

categorias

preparado para transformar a produtividade da sua empresa?